O chamado para doar

Se Deus lhe chamou para doar, sejam grandes somas ou mesmo sacrifícios menores, porém bem reais, você poderá meditar nestes conselhos, frutos de vinte e sete anos de experiência, e possivelmente eles lhe pouparão de grandes desapontamentos. A DCI não é uma organização levantadora de fundos, ao contrário, é um ponto de reunião de doadores. Veja aqui o nosso Jornal.

1. Tome cuidado com histórias autocomiserativas e coerções espirituais

Ouça o que Paulo tem a dizer em II Coríntios 8 (Tradução livre da versão da Bíblia The Message em inglês):

Quero que cada um de vocês tome bastante tempo para refletir, 
e decidir-se por si mesmo sobre o que ofertará. 
Isto irá preveni-los contra histórias autocomiserativas e coerções espirituais.

Tome tempo para pensar e orar. O dinheiro que você possui nunca foi seu, não é seu agora e nunca será, foi confiado aos seus cuidados e saiba que o Doador original tem uma idéia e uma vontade sobre aquilo que tem que ser enviado em Seu nome. Peça e receberá sabedoria, e com paciência, a luz virá, mas sempre desconsidere todas as histórias autocomiserativas e os apelos coercitivos que tocam suas emoções, mas sempre deixam seu espírito gelado.

2. Fique atento às placas de sinalização que lhe apontam para a direção certa

Como é a abordagem da pessoa? Ela está lhe tratando como um irmão ou como um banqueiro, ou ainda pior, como um caixa eletrônico. Ela lhe honrará com uma amizade de mão dupla? 

É provável que a pessoa seja uma boa comunicadora, porque com certeza você vai querer saber muitas coisas sobre ela agora e depois.

Ela pode prover evidências e referências que provem sua integridade?

Existe algum registro que demonstre que essa pessoa além da compaixão também tenhacompetência? É fato que muitas pessoas têm um bom coração, mas suas mãos não sabem o que fazer e será um erro colocar dinheiro em tais mãos.

É muito fácil perder o dinheiro dos outros, então que não seja o seu.

3. Cuidado com a ganância disfarçada com palavras espirituais

Continuamente ficamos surpresos e desapontados que tão poucos peçam ajuda para alcançar os perdidos, os últimos e os menores do mundo, mas não faltam pessoas pedindo-nos carros, computadores e prédios. 

A ganância é muito capaz de enganar até as pessoas que lhe pedem ajuda. A ganância pode enganar-se a si mesma com todo tipo de palavras nobres, mas por baixo deste verniz, existe uma ganância nua e crua de ter os que os outros conseguiram. Jesus disse, “E disse-lhes: Acautelai-vos e guardai-vos da avareza; porque a vida de qualquer não consiste na abundância do que possui." Lucas 12:14-16.

4. Cuidado com a síndrome dos dez leprosos

Caso você se lembre da história, foi onde Jesus curou dez leprosos, mas somente um deles voltou para agradecer e dizer o que havia acontecido. Caso suspeite de que isto possa lhe acontecer, o que é bem provável, porque um monte de pessoas no mundo nunca foi ensinado a dizer obrigado, então pese agora o quanto isto é importante para você. O senhor pode querer que você dê incondicionalmente e sem a necessidade de uma palavra de agradecimento, porque conforme diz Provérbios 19:17, “Ao SENHOR empresta o que se compadece do pobre, ele lhe pagará o seu benefício”, mas é bom receber uma palavra de agradecimento.

5. Cuidado com as abelhas e borboletas

As borboletas podem ser muito bonitas para se admirar e as abelhas produzem o mel, então sem reclamações, mas saiba que a natureza delas é mover-se de uma flor a outra para juntar o pólen de que precisam. Elas podem voltar à mesma flor muitas vezes, mas quando sentem que não há mais pólen vão coletar em outro lugar e você jamais as vê novamente.

Tornamos o nosso princípio orientador número um, que o patrocínio somente seguirá o relacionamento, mas vemos que do outro lado da moeda, muitas pessoas e seus projetos somente têm tempo para um relacionamento enquanto durar o patrocínio. 

Você precisa ter certeza de que poderá lidar com o desapontamento quando seu bom amigo na África ou na Índia que costumava escrever-lhe toda a semana, agora somente escreve no Natal, se é que ele de fato se lembra de você.

6. Cuidado ao receber muito mais do que você já deu

A história é bem conhecida. Você dá uma quantia simbólica em resposta a um apelo geral e em retorno, recebe um suprimento sem fim de revistas coloridas, cartas assinadas por computador de que estão orando por você por nome, e rios de e-mails, todos pedindo dinheiro. Simplesmente não dê o pontapé inicial entrando em um banco de dados de algum levantador de fundos. Existe toda uma indústria lá fora dedicada ao levantamento de fundos e é mais do que provável que a maioria se não todas as suas ofertas seguirão para custear os levantadores de fundos e a impressão das revistas.

Assim, cuidado com as armadilhas e saiba que dar para Deus e ao Seu chamado para abençoar os perdidos, os últimos e os menores do mundo é certamente o gatilho que libera uma explosão de prosperidade dada por Deus, para você e para os seus. 

A promessa de Deus é que, "E Deus é poderoso para fazer abundar em vós toda a graça, a fim de que tendo sempre, em tudo, toda a suficiênciaabundeis em toda a boa obra;

No contexto de ser um doador generoso, Deus supre a semente ao semeador e o pão por comida, também promete “suprir e aumentar seu depósito de sementes e ampliar a colheita de sua justiça”. Você se tornará rico em tudo e dessa forma poderá ser generoso em todas as ocasiões, e sua generosidade resultará em ações de graças a Deus.

Quer acrescentar algo a esta página? Escreva enviando um e-mail

Share Button

Também disponível em: Inglês Espanhol Indonésio